terça-feira, 27 de abril de 2010

Love Is Not a Fight

Love Is Not a Fight
Warren Barfield
Composição: Warren Barfield

Love is not a place
to come and go as we please
It's a house we enter in
then commit to never leave
So lock the door behind you
Throw away the key
Work it out together
Let it bring us to our knees
Love is a shelter
in a raging storm
Love is peace
in the middle of a war
If we try to leave;
May God send angels to guard the door
No, Love is not a fight
but its something worth fighting for
Some love is a word
that they can fall into.
But when they're falling out
keeping that word is hard to do
Love is a shelter
in a raging storm
Love is peace
in the middle of a war
If we try to leave;
May God send angels to guard the door
No, Love is not a fight
but its something worth fighting for
Love will come to save us
If we'll only call
He will ask nothing from us
but demand we give our all
Love is a shelter
in a raging storm
Love is peace
in the middle of a war
If we try to leave;
May God send angels to guard the door
No, Love is not a fight
but its something worth fighting for

*** I just hope to make the best choice, good luck for me. ***

sábado, 24 de abril de 2010

*I enjoyed this video. Still good that here i can put it.



Have a good weekend.

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Chega a 400 o número de mortos após terremoto na China, diz agência estatal

Tremor teve magnitude 6,9, segundo centro dos EUA.

Mais de 8 mil pessoas se feriram, segundo agência de notícias Xinhua.

Do G1, com agências internacionais


O número de mortos do terremoto que abalou nesta quarta-feira (14) a província de Qinghai, no noroeste da China, foi atualizado para 400, informa a agência oficial Xinhua. O balanço anterior apontava para 300 mortos.

O número de feridos também foi atualizado e deve ultrapassar 8 mil pessoas. A estimativa das autoridades, segundo a mesma agência estatal, é que o tremor deixará ao menos 10 mil feridos.

Está na China? Envie relatos, fotos e vídeos sobre o terremoto

Foto: Editoria de Arte / G1 Foto: Editoria de Arte / G1

Mapa localiza província de Qinghai, local do epicentro do tremor (Foto: Editoria de Arte / G1)

A região atingida faz fronteira com o Tibete, é uma área rural montanhosa e habitada por camponeses, nômades mongóis e tibetanos.

Veja fotos do terremoto

Segundo o Instituto Geológico americano (USGS), o tremor teve magnitude de 6,9, com epicentro situado 380 km a sudeste da cidade de Golmud, a uma profundidade de 46 km. O USGS informou ainda que ocorreram quatro tremores secundários, de 5,3, 5,2, 5,8 e 4,8 de magnitude, na meia hora posterior ao terremoto principal.

As autoridades chinesas, no entanto, informaram que o abalo, que ocorreu às 7h49 locais (20h49 de terça-feira, 13, em Brasília), foi de magnitude 7,1.

(...)

Fonte: site do G1.

sábado, 10 de abril de 2010

TO REMEMBER:

* I still have to read that notes.

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Gosh! What´s happening with this world? I´m sad to much. It´s a lots quake of sand.

So, I´m here becouse yesterday were the day much more than special: I got to make the first step to finish with my college.*

* Later i´ll put other photograph i got to take of my friends to the college.

I´m without more news.

* In july i´ll have news plans.

That´s that. Have a nice day.

Há ao menos 200 soterrados no Morro do Bumba, diz subsecretário de Defesa Civil


Seis pessoas morreram em desabamento no Morro do Bumba.
Equipes de resgate avaliam como fazer buscas sem risco de contaminação.

Do G1, com informações do Bom Dia Brasil

Tamanho da letra

Pelo menos 200 pessoas estão soterradas no deslizamento que atingiu o Morro do Bumba no Cubango, em Niterói, na Região Metropolitana no Rio, na noite de quarta-feira (8). A informação é do coronel Pedro Machado, subsecretário de Defesa Civil, que não diz não haver mais expectativa de encontrar pessoas com vida.

“Pela nossa experiência é uma morte instantânea. Desceu uma grande quantidade de terra, pedra e lixo", disse Machado, que também é comandante do Corpo de Bombeiros. "É muito difícil encontrar alguém vivo. É diferente do Haiti, onde prédios desabaram e as pessoas ficaram presas em bolsões de ar. Aqui foi uma grande quantidade de terra. Quando cai, toma todo o ambiente."

  • Aspas

    É muito difícil encontrar alguém vivo. É diferente do Haiti, onde prédios desabaram e as pessoas ficaram presas em bolsões de ar. Aqui foi uma grande quantidade de terra"

'Foi o maior deslizamento da história de Niterói', diz secretário de Obras

‘Ajudem minha família, pelo amor de Deus’, desespera-se moradora

Segundo o secretário de saúde Sérgio Côrtes, não há previsão para o término de trabalhos na região. "A estimativa anterior era de 15 dias, mas a quantidade de escombros está dificultando as buscas. A extensão fica ainda pior porque há 25 anos funciovana um aterro sanitário no local, o que deixa o solo ainda mais estável", afirmou. "Estamos vivendo um grande problema ambiental. O resgate não pode ser um trabalho manual, por causa do risco de doenças." Ainda de acordo com Côrtes, técnicos da Geo-Rio foram disponibilizados pelo prefeito do Rio, Eduardo Paes, para atuar no local.

Seis mortos

Seis pessoas, entre elas uma criança, morreram no deslizamento de terra que do Morro do Bumba. Dois mortos já confirmados eram funcionários de uma creche que funcionava no local. Outras 51 pessoas ficaram feridas. De acordo com a Defesa Civil, pelo menos 40 casas foram atingidas. Com esse desabamento o número de mortos no Estado chegou a 153 pessoas.


De acordo com as autoridades, cerca de 600 metros de terra foram deslocados. O secretário de saúde e Defesa Civil do estado, Sérgio Côrtes, comenta que a área era um lixão. "As casas foram construídas sobre o aterro. Dizem que havia uma loja de pizzas, uma igreja. É uma comunidade inteira”.

Leia também:

- Número de mortos no estado passa de 150, dizem bombeiros

Veja galeria de fotos


Confira as últimas notícias no blog ao vivo

Moradores relatam momentos da tragédia

Cerca de 150 homens trabalham no local e estão fazendo um levantamento do número de casas atingidas. A Força Nacional está no local com 39 homens.

Os Bombeiros informaram ainda que 25 pessoas foram resgatadas com vida por soldados da corporação e pelos próprios moradores. Entre os feridos há oito crianças. Os feridos foram levados para o Hospital Azevedo Lima, em Niterói (veja vídeo ao lado).

Segundo afirmou, em entrevista à Globo News, o secretário de Serviços Públicos de Niterói, José Mocarzel, há relatos de que pelo menos 40 casas podem ter sido afetadas.

"Moradores ouviram explosões, que podem ser causadas pelo gás metano do aterro sanitário. Foi um caso atípico. Foi uma tragédia muito grande que se abateu sobre a comunidade."


Fonte: site do G1

Ocorreu um erro neste gadget